9.11.17

Benefícios da stevia

Benefícios da stevia

A stévia (Stevia Rebaudiana) é um adoçante natural quase isento de calorias, que oferece vários benefícios para a saúde. Não altera os níveis de glicose no sangue, não engorda e adoça naturalmente sem os efeitos colaterais do açúcar e dos outros adoçantes sintéticos. As suas folhas secas são 10 a 20 vezes mais doces que o açúcar, já o seu extrato têm a capacidade de adoçar até 300 vezes mais.

Trata-se de uma planta perene de porte arbustivo que pertence à família da Asteraceae, a mesma dos crisântemos. Possui folhas ovais meio serrilhadas e produz umas pequenas flores brancas. Atinge de 30 a 90 cm de altura. A stevia também é conhecida por estévia, açúcar verde, erva do açúcar, erva doce do Paraguai e capim doce

Além do seu poder adoçante a stevia contém inúmeras vantagens para a saúde. Ela é tonificante, diurética, hipoglicémica e hipotensiva. A planta conta com um bom teor de sais minerais: Alumínio, Magnésio, Manganês, Potássio, Cálcio, Zinco, Cobalto, Ferro, Flúor, Cromo, Fósforo, Selênio, Sódio e Estanho.Contém Vitaminas como: Beta caroteno (Percursor da vitamina A), Ácido ascórbico (Vitamina C), Tiamina (Vitaminas do complexo B), Niacina e Riboflavina.

Principais benefícios e propriedades da stevia


A stevia previne doenças da boca: Contém um alto teor de vitamina C e clorofila, reduzem o crescimento das bactérias prejudiciais à saúde da boca e limitam a incidência de carie e tártaro nos dentes. Na América do Sul a stevia é empregue com o fim de tratar o sangramento e a inflamação das gengivas.

Melhora o aspecto da pele: Usada de modo externo a stevia melhora o aspecto da pele e dos cabelos. Além de embelezar a derme ela também é usada no tratamento de feridas, acne, psóriase e eczema entre outros problemas da pele.

Auxilia na perda de peso: Além de quase não ter calorias ( Uma porção de 100 gr contém menos de meia caloria) a stevia trata a compulsão alimentar, reduz a absorção de carboidratos, regula o apetite e ajuda a reduzir o desejo por doces.

É importante na dieta dos diabéticos. A stevia têm acção hipoglicémica que estimula a secreção da insulina e reduz o nível de glicose no sangue. Contudo, é de salientar que não substitui qualquer tratamento para diabetes.

A stevia alivia a fadiga física e mental, a depressão, a insónia, a hiperatividade, indigestão, obesidade e em banho de assento trata a candidíase. Trata também a hipertensão arterial, porém é necessário algum cuidado sob o risco de a baixar em demasia.

Curiosidades sobre a stevia


O uso desta planta remonta há mais de um século atrás, onde era usada e chamada de Eura-caá pelos Índios Guaranis que habitavam nas florestas tropicais do Brasil e do Paraguai e usavam a erva para adocicar as bebidas e refrescar a boca. Existem relatos que indicam que o curandeiro da tribo usava a stévia nas pessoas que apresentavam desconfortos abdominais, fadiga física e emocional, hoje supõe-se que seriam possíveis portadores de diabetes.

A China é o maior produtor de stevia, enquanto o Japão é o maior consumidor. Este país introduziu  a planta como adoçante natural na dieta alimentar  há mais de 30 anos e até agora não se registaram efeitos colaterais.

A stevia foi declarada como um produto seguro para consumo, quem o afirma é a Agência de Alimentos e Medicamentos dos EUA (Food and Drug Administration, FDA) e o comitê Conjunto de Especialistas da Organisação das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO/OMS). Na base desta afirmação estão mais de 200 estudos realizados à planta.

Onde comprar o stevia? A planta já está bem difundida em Portugal, o seu extrato encontra-se à venda em qualqeur supermercado perto dos outros adoçantes. Se procura a planta, poderá encontrá-la no meio de outras plantas aromáticas, nas várias estufas de plantas espalhadas pelo país.

Apesar do uso da stevia já ultrapassar os 100 anos e de não haver noticias de efeitos adversos originados pelo seu consumo, só foi aprovado pela governo Americano em 2008. Na União Europeia a autorização apenas foi concedida em 2011. A partir de então grandes marcas como a coca cola, alteraram as receitas com o fim de lançar versões com stevia.

.

Como usar a stevia


A stevia é usada na forma de comprimidos, como a maioria dos adoçantes conhecidos, ou sob a forma de gel, as duas versões são utilizadas como adoçante de mesa.
Também é encontrada à venda sob a forma de pó, com aspecto idêntico ao açúcar e é usado da mesma forma: Incorporado na maioria das receitas, dissolvido nas bebidas ou polvilhado sobre os alimentos.
Se preferir o método mais natural e cultivar as suas plantas de stevia (Cultivo da stevia), poderá usar as suas folhas frescas ou secas em infusão, como qualquer outro chá. Poderá também triturar as folhas secas e transformá-las num pó adoçante, 4 colheres de sopa deste pó de stevia equivalem a aproximadamente 180 gr de açúcar.

A infusão de stevia é preparada à razão de uma colher de sobremesa de folhas para uma chávena.
Ferve-se a água, acrescenta-se as folhas, retira-se do calor e mantém-se o chá em repouso por aproximadamente 10 minutos. Pode-se beber até duas chávenas por dia.
Como já foi referido a stevia é hipoglicemiante, como tal é necessário fazer um controle em casos de diabetes ou hipoglicemias.


Contra indicações da stevia


 Tal como a maioria das plantas ela também requer alguns cuidados. Ela pode provocar infertilidade masculina, baixar demasiado a pressão sanguínea o que pode ser fatal em alguns casos.
Nenhum comentário:
Postar um comentário

LinkWithin
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...